Como organizar um loft?

· 5 de julho de 2018
De armazém reutilizado por estudantes ou artistas para autênticas casas de luxo no centro das cidades. Grandes janelas, belas vistas ou tetos altos são apenas algumas das vantagens de viver em um loft.

Para organizar um loft, distribuir os espaços de uma forma adequada, precisamos saber perfeitamente, acima de tudo, como ele é. É um tipo de moradia, cujas principais características são a amplitude, grandes janelas, amplo espaço e escassez de divisões, sejam paredes, portas…

Podemos dizer que é um espaço relacionado à vida urbana. Além disso, é um grande espaço (geralmente) que propicia a existência de um local de trabalho na sua própria casa.

Muitas vezes, especialmente aqueles construídos recentemente, estão localizados em áreas muito centrais, principalmente nas grandes cidades do mundo.

Qual é a origem dos lofts?

Esses espaços surgiram a partir da remodelação de edifícios, tais como estabelecimentos industriais, armazéns abandonados ou mesmo antigas fábricas. Isso vai condicionar um pouco a estrutura e organização do loft, embora sempre possam ser realizadas reformas. Você pode deixar vestígios desse passado industrial e o ambiente ficará bem original.

Apesar do prestígio que atualmente significa morar em um loft, no começo não era assim. Eles surgiram na segunda metade do século XX, na cidade de Nova Iorque, EUA. A cidade estava atravessando um momento ruim, estava à beira da falência: declínio demográfico, desindustrialização…

Como consequência dessa situação econômica terrível, muitos espaços industriais foram desativados. Portanto, eles começaram a ser reutilizados por diferentes grupos, principalmente artistas ou estudantes. A escolha desses lugares se baseou principalmente nos baixos preços e pela amplitude do espaço. Além disso, os artistas poderiam ter o seu estúdio em casa.

Como podemos ver atualmente, esse tipo de residência foi se desenvolvendo progressivamente até ser usado por grupos com um maior poder aquisitivo. Por isso, os espaços industriais já não são somente reutilizados, mas também construídos. Eles chegaram a alcançar preços exorbitantes.

sala loft

Ideias de como organizar um loft

Encontramos várias possibilidades para a organização de um loft, pairando em torno de algumas ideias gerais.

Lembre-se de que normalmente não existe uma divisão de espaços. Então, para criar uma sala de jantar, sala de estar ou cozinha, você tem que “reutilizar” os seus móveis em áreas muito específicas.

Separe os espaços mais privados.

Estamos nos referindo ao quarto (normalmente há apenas um) e/ou ao banheiro. Para isso, existem vários recursos. Por exemplo: biombos, colunas, cortinas, portas de correr ou soluções de vidro.

quarto no loft

Aproveite o piso superior

Dependendo do espaço disponível, você pode utilizar o piso superior para acomodar o seu quarto, área de estudo ou espaço de armazenamento.

Separe a cozinha

Tente deixar o espaço destinado a cozinha separado de alguma forma das outras áreas da casa. Dessa forma, se você não conta com uma porta de correr ou divisória de vidro, evitará que a fumaça e os odores dos alimentos cozidos se espalhem para as outras partes do loft.

Mantenha a privacidade

Tente conseguir o maior grau de intimidade possível. Estamos falando principalmente do quarto, onde também podemos encontrar um closet. A este respeito, podemos colocar uma cortina que separe os dois espaços ou se você tiver um sótão, faça o seu quarto lá e na parte inferior, o closet. Ao redor desse closet, coloque um biombo ou cortinas cobrindo-o total ou parcialmente.

Usar móveis grandes para separar ambientes

Você também pode usar móveis grandes para tentar separar os ambientes. Por exemplo: você pode colocar um guarda-roupa no quarto, e colocar uma prateleira colada na parte de trás. Dessa forma, você estaria separando duas áreas, o quarto e, por exemplo, a sala ou, se houver, a área de estudo. No caso da cozinha e sala de estar ou sala de jantar, pode ficar interessante uma mesa alta, como um balcão de um bar.

como organizar um loft

Conclusão

Obviamente, e, como conclusão, devemos dizer que, apesar de tudo, viver em um loft tem as suas desvantagens. Apesar disso, é inegável que esteticamente falando, eles são lindos. A sua amplitude e luminosidade nos dão conforto e tranquilidade. Além disso, não podemos esquecer a sua excelente localização urbana.

É preciso saber como organizar o espaço disponível e decorar de acordo com o seu estilo, proporcionando assim um toque mais pessoal, transformando o espaço da forma que você deseja.