Dicas para usar sobras de madeira

· 14 de março de 2019
Quando não for possível levar as sobras de madeira para um centro de reciclagem especializado neste material, o mais conveniente é tentar reutilizar este recurso.

Depois de terminarmos um projeto de construção ou a elaboração de algum tipo de artesanato específico, geralmente não sabemos o que fazer com as sobras de madeira. Nesses casos, o melhor a fazer é procurar por alternativas que permitam um uso inteligente e criativo, a fim de evitar o acúmulo de objetos em casa.

E embora possa não parecer à primeira vista, isso pode resultar em uma grande contribuição para o meio ambiente em termos de sustentabilidade.

Dicas para utilizar as sobras de madeira

É necessário relembrar que, dentro do que é normalmente entendido por sobras de madeira, é possível encontrar tanto peças trabalhadas (pedaços de tábuas, vigas, caixas, etc.) quanto pedaços virgens (troncos, galhos de árvores e afins).

E, visto que a madeira é, juntamente com a pedra, um dos materiais que permite que o ambiente da casa seja mantido em conexão com a natureza, o melhor a fazer é aproveitá-la ao máximo. Além disso, a sua atemporalidade proporciona uma grande vantagem quando se trata de introduzi-la em diferentes estilos.

Tipos de sobras de madeira e usos possíveis

1. Paletes

Os paletes são um dos tipos mais comuns de sobras de madeira, mas também são uma grande fonte de inspiração para vários tipos de artesanato. E o melhor de tudo, eles podem ser usados com a sua aparência natural ou podem ser modificados, de acordo com a sua preferência.

Podemos pintá-los com várias cores e usá-los como mesas auxiliares, cadeiras e até mesmo como somiê. Além disso, é possível colocar rodinhas para facilitar o seu deslocamento. Também podemos desmontá-los para criar outros móveis.

Tipos de sobras de madeira e usos possíveis

2. Caixotes de fruta

Um outro tipo de sobras de madeira é encontrado nos caixotes de fruta ou outros produtos. E, embora eles tenham uma forma predeterminada, também podem ser desmontados para criar estantes ou prateleiras.

Visto que eles podem ser facilmente encontrados e adquiridos a um custo muito baixo, caso tenhamos utilizado toda a nossa reserva antes de terminarmos o nosso projeto, podemos comprar mais.

Da mesma forma que outros tipos de sobras de madeira, eles podem ser limpos e envernizados para realçar a sua aparência natural ou então podem ser pintados com tinta colorida.

3. Usar as prateleiras de estantes velhas

As prateleiras de estantes velhas também podem ser usadas em novos projetos. Por exemplo, elas podem ser usadas para forrar uma parede até meia altura, servindo como uma cabeceira para a cama.

Se tivermos várias prateleiras, podemos cobrir a parede da cabeceira, de um lado ao outro, e incluir um par de cada lado da cama, como se fossem mesas de cabeceira. O resultado ficará ótimo e não parecerá que foi feito por nós mesmos!

Vale a pena ressaltar que podemos usar tanto prateleiras iguais quanto diferentes; a chave está em não nos deixar limitar ao procurar por um resultado original. Forrar uma parede com madeira pode trazer mais personalidade e calor para a casa ao mesmo tempo em que isola um pouco o barulho.

Também podemos dispor as prateleiras da mesma forma que faríamos com prateleiras para livros; mas agrupadas em uma mesma área, a fim de criar uma espécie de estante sem moldura.

Prateleiras feitas de estantes velhas

Foto cortesia de: Pinterest.

4. Galhos de árvore secos

Após os meses frios ou a poda do jardim, agrupamos um monte de galhos secos em uma pilha e não nos ocupamos de usá-los imediatamente. Felizmente, a decoração de interiores contemporânea pode reutilizar esse tipo de elemento de várias maneiras, como as molduras rústicas para espelhos e fotografias, por exemplo.

Também é possível juntar vários galhos e colocá-los em um garrafão ou vaso grande e marcante para obter um arranjo natural para a casa.

Os galhos secos ficam lindos, tanto ao natural quanto com uma camada de tinta dourada ou de outras cores metálicas.

5. Troncos de madeira

Os troncos de árvore também podem ser usados para fazer móveis (mesas laterais, bancos) ou até mesmo belas esculturas rústicas. E, da mesma forma que os paletes, é possível colocar rodinhas para criar móveis com um toque moderno e multifuncional.

Troncos de madeira

Foto cortesia de: Pinterest.

Algumas considerações sobre as sobras de madeira

Sem dúvida, a madeira é sinônimo de calor e sofisticação na decoração de interiores; assim, visto que ela é muito versátil, poderá ajudar a alcançar diversos resultados. Tudo é uma questão de saber como combiná-la com outros elementos e de não perder a oportunidade de aproveitá-la.

O uso de sobras de madeira pode ser muito conveniente do ponto de vista financeiro. O mais importante é procurar por referências e bons materiais ao executar uma ou outra ideia para que, dessa forma, o resultado seja o mais refinado possível.