Como escolher a iluminação adequada para cada ambiente?

26 de fevereiro de 2019
Cada ambiente da casa precisa de um tipo de iluminação em função das atividades que realizamos ali.

A iluminação adequada é um elemento essencial para nos sentirmos confortáveis em um cômodo. Além disso, nos ajuda a realizarmos todas as atividades do dia a dia.

Primeiramente, começaremos falando sobre os tipos de iluminação mais utilizados ​​e, em seguida, sobre os locais onde devem ser colocadas.

A iluminação adequada para cada ambiente: tipos de iluminação

O mercado da iluminação é cada vez mais amplo e oferece produtos de maior qualidade e menor consumo.

luzes ambientes

Lâmpadas tradicionais

Este tipo de lâmpada emite um halo de luz amarelada que representa uma fonte mínima de calor. Isso torna as lâmpadas ideais para iluminar áreas próximas ao sofá, às camas ou salas de estar. Geralmente duram entre 1.000 e 1.200 horas.

São vendidas em diferentes tonalidades, o que permite dar a cada ambiente um toque pessoal.

A grande desvantagem deste tipo de lâmpada é que a luminária em que é colocada converte apenas 15% da energia consumida em luz visível. É uma porcentagem de eficiência muito baixa, se comparada à sua duração e eficiência com outros sistemas: não é tão econômica quanto parece.

Lâmpadas de baixo consumo

Com este sistema economizamos mais energia do que com as tradicionais, já que consomem cinco vezes menos.

É aconselhável colocar essas lâmpadas em áreas que precisam de iluminação por longos períodos de tempo. Podem durar até 15.000 horas, o que implica uma economia de 80%.

Assim como as tradicionais, você também poderá encontrá-las de diferentes cores e formas, podendo funcionar como outro elemento decorativo da casa.

Uma pequena desvantagem é que, quando acesas, precisam de um determinado tempo para que brilhem com a intensidade máxima. Isso pode ser um problema em espaços muito escuros ou em cômodos em que você fica por pouco tempo. Além disso, são muito mais caras do que as lâmpadas anteriores. No entanto, a sua duração amortiza o preço.

Lâmpadas halógenas

A principal característica dessas lâmpadas é que elas possuem um filamento de tungstênio dentro de um gás inerte e uma pequena quantidade de halógeno, como iodo ou bromo.

Essas lâmpadas brilham mais e a sua intensidade não diminui. Costumam iluminar ambientes exteriores, uma vez que duram 3.000 horas. Consomem 30% menos eletricidade e são muito mais eficientes.

Luzes LED

É uma lâmpada com um tipo de tecnologia completamente diferente. As luzes LED utilizam um sistema ‘Lumileds Luxeon’ que cria uma fonte de iluminação doméstica brilhante e proporciona uma grande economia de energia.

É um tipo de luz mais elegante e atraente, sendo também muito mais eficiente que as anteriores.

A sua duração varia entre 50.000 e 100.000 horas consecutivas de luz. Isso as torna mais caras, mas nos poupa de trocá-las durante muito tempo.

Além disso, elas podem ser adquiridas nas mesmas cores das lâmpadas tradicionais.

luzes ambiente

Níveis de iluminação

De acordo com os parâmetros de nível luminoso, a iluminação recomendada é:

Cozinha: iluminação geral 300 lux e na área da cozinha 500.
Banheiro: iluminação geral 100 lux, para se maquiar ou barbear 500.
Quarto: iluminação geral 50 lux, 200 lux na cabeceira e 500 para ler.
Sala de estar: iluminação geral 100 lux, para assistir TV 50 e para ler 500.

Onde colocar cada tipo de iluminação

Sala

É um dos ambientes mais importantes da casa. Portanto, precisa de iluminação que não seja muito intensa, mas que se veja o melhor possível.

O mais comum é instalar luzes embutidas no teto e criar uma iluminação suave. Com essas luzes, o objetivo é alcançar um clima especial no ambiente e torná-lo mais acolhedor.

Você poderá combinar essa luz com uma luminária de mesa ou de chão e, dessa forma, ter vários focos de luz no ambiente para realizar diferentes tarefas.

Uma lareira também é outra grande fonte de luz, especialmente nos dias mais frios do inverno, já que fornece calor à casa.

Cozinha

As luzes mais comuns nas cozinhas são as fluorescentes, pois oferecem luz intensa, ideal para cozinhar.

Um truque que irá ajudá-lo a dar outra ambientação à cozinha é levar a iluminação para as áreas mais frequentes de trabalho. Como em cima de bancadas ou do fogão. Isso o ajudará a ganhar visibilidade e economizar no consumo de luz.

luzes ambiente

Banheiro

Para o banheiro, devemos escolher lâmpadas incandescentes de acabamento branco, em vez de lâmpadas fluorescentes, já que essas últimas tendem a dar às pessoas um tom esverdeado.

Colocar uma luz sobre o espelho fornece visibilidade. Além disso, se combinarmos com a luz geral, criaremos uma atmosfera muito agradável.

Uma das tendências em banheiros modernos é a instalação de projetores nos chuveiros.

Quarto

Todas as manhãs nos levantamos sonolentos da cama. Nesse momento, você não sabe nem onde fica a luz do quarto. É por isso que a luz do quarto deve facilitar a nossa vida e isso significa, que seja fácil de encontrar.

O quarto é um lugar onde buscamos um ambiente descontraído para ler um livro até tarde, organizar o armário ou se vestir. É importante saber que uma iluminação quente no quarto antes de desligar a luz o ajudará a sintonizá-lo com a hora do sono.

Uma dica é combinar diferentes pontos de luz. Colocar focos dirigidos aos armários e às cômodas facilitará encontrar a roupa. Outra dica é incluir iluminação integrada dentro de gavetas e prateleiras.

Para os fãs da leitura noturna, uma boa ideia é colocar luminárias de parede flexíveis. Com isto você não gastará em luz geral e o foco irá diretamente ao ponto que você quer.

Como podemos ver, escolher as luzes do ambiente não é tão complicado. Simplesmente temos que levar em conta a área e as funções que cada uma delas tem, para dar uma ambientação ou outra.