Marcel Wanders: designer e artista

14 de fevereiro de 2020
Os designs de Marcel Wanders são um verdadeiro desafio para o mundo do design de interiores criativo.

O especialista holandês Marcel Wanders se estabeleceu como designer e artista ao longo dos anos. Ele se destacou no mundo da arquitetura, do design industrial e, acima de tudo, no campo do design de interiores.

A sua personalidade se reflete em suas obras de maneira drástica e direta. Outras criações de designers de interiores modernos não oferecem uma imagem própria e característica de si mesmas; isto é, elas podem não imprimir um componente individual e característico de sua personalidade. No entanto, Marcel Wanders é transparente com as suas produções.

Sem dúvida, ele conseguiu o seu espaço no panorama da decoração atual. De fato, ele soube fazer deste ofício uma arte e trabalhar ideias estéticas a partir de diferentes perspectivas criativas e com certos componentes de vanguarda e inovadores.

Quem é Marcel Wanders?

Marcel Wanders: designer e artista

Decoração sala de estar / elcomercio.com

Ele se formou no instituto de arte Arnhem, obtendo as melhores notas e alcançando um enorme sucesso com os seus projetos desde muito jovem. Depois de abrir o seu estúdio em Amsterdã, ele conseguiu se estabelecer entre os designers renomados dos anos 90.

Por outro lado, vale a pena mencionar a sua faceta de apoio a jovens designers talentosos. Sempre que vê uma pessoa com qualidades criativas e capacitada para trabalhar de forma dinâmica e ativa, ele apoia as suas ideias e tenta tirar o melhor dela. 

Para ele, em cada design prevalece um elemento realmente importante: a personalidade. Cada indivíduo pode dar ao mundo do design de interiores um toque distinto e diferenciado. Além disso, Marcel também acredita que a imaginação e a arte devem estar presentes em qualquer projeto.

As artes devem ser valorizadas como um princípio aplicável ao lar.

A cadeira Knotted de Marcel Wanders: leveza e dinamismo

Marcel Wanders: designer e artista

Cadeira Knotted / casadecor.es

Ao contemplar uma de suas obras, a cadeira Knotted, podemos perceber o interessante conjunto de fios de fibra de aramida que produzem uma peça leve e completamente inovadora. Não existe um modelo do mesmo estilo. Por isso, ela é tão inovadora. 

  • Uma das principais características deste design é o caráter artesanal que ele oferece. A estética é completamente inovadora por causa do design criativo e da aparência de plasticidade dinâmica.
  • A resina epóxi é o produto com o qual todo o material é impregnado, para que, assim, o conjunto inteiro fique completamente fixado. Em seguida, deve-se deixar secar para que ela possa ser utilizada e adquira firmeza.
  • Tem um certo caráter orgânico, como se fossem raízes que saem do chão e culminam em uma rede de linhas entrelaçadas que tornam este produto um sistema sutil e muito personalizado.
  • Evidentemente, Marcel tentou se destacar entre os outros designers. Comparado aos estereótipos de design que geralmente são encontrados na sociedade, Marcel trabalha a decoração a partir de um ponto de vista artístico.

A sofisticação transformada em arte

Decoração restaurante

Restaurante / marcelwanders.com

Qualquer criação de Marcel é sinônimo de arte. Com isso, estamos nos referindo a um processo criativo que culmina com a ordem e a harmonia entre os recursos. Dessa forma, Marcel executa um desenvolvimento imaginativo que oferece personalidade e caráter.

Ele chegou a criar grandes espaços com estruturas de aparência plástica e, acima de tudo, diafaneidade. Isso pôde ser refletido especialmente em locais públicos, onde ele deu total liberdade às suas produções de maneira inovadora e rompendo as regras. 

Há críticos de design de interiores que consideram os seus trabalhos futuristas. Não é de se estranhar, pois as formas são realmente de vanguarda, diferentes e com um ambiente completamente coordenado entre os recursos. Ele sabe combinar perfeitamente a espacialidade, com cores fortes e grandes janelas para a entrada da luz natural.

Marcel tenta fugir dos elementos rotineiros que geralmente são usados ​​no design de interiores.

O interesse pelo contraste cromático de Marcel Wanders

Marcel Wanders: designer e artista

Contraste cromático / casadecor.es

Algo que pode ser visto claramente nos seus trabalhos é a purificação do ambiente através da cor branca. Ele costuma usá-la com frequência, principalmente porque ela oferece uma estética de higiene, pureza e fragilidade. No fundo, este é um tom realmente ótimo para as suas obras.  

No entanto, ele não fica apenas com esse tom, mas sim tenta estabelecer contrastes diretos com cores quentes e radiantes (vermelho, amarelo…), de forma que seja criado um contraste forte e drástico, gerando assim uma personalidade alternativa e ousada.

  • AA. VV.: Marcel Wanders: behind de ceiling, Gestalten, 2009.