Noções básicas para combinar cores

· 27 de abril de 2019
Neste artigo falaremos sobre como combinar cores e acertar em cheio; para que sua casa fique repleta de harmonia e tenha um efeito surpreendente.

Aprender a combinar cores entre os móveis, as paredes e os objetos decorativos é uma ciência, já que as cores falam de nós, são capazes de somar ou subtrair metros visualmente, assim como favorecer estados de humor. Quer saber onde está o mistério? O objetivo é criar harmonia através da cor, seja por analogia cromática ou por contraste.

Combinar cores análogas

Combinar cores análogas
Círculo cromático / paletacolores.com

Se falarmos sobre combinar cores análogas, estaremos falando sobre aquelas que estão uma ao lado da outra no círculo cromático.

Ao escolher cores análogas, que compartilham parte de sua composição, a harmonia será inequívoca. Portanto, essa maneira de combinar cores é conservadora, capaz de criar ambientes bem relaxados e equilibrados. Um exemplo seria misturar o verde com o amarelo ou o laranja.

Combinar cores por contraste

Combinar cores por contraste

Você poderá criar contraste sem abrir mão do equilíbrio, só é preciso ter em mente o círculo de cores. Se você observar, poderá identificar cores complementares e combiná-las, sempre utilizando uma delas como base e o restante em detalhes através dos elementos decorativos. Um exemplo seria o vermelho e o verde ou o amarelo com o violeta.

Esta opção cria espaços mais alegres, adequados para salas de estar ou para uma sala de jantar onde queremos ativar a energia. No caso dos quartos, as cores mais neutras e quentes ficam melhor.

Paredes + móveis

Quando se trata de combinar cores frias, quentes e neutras, devemos também levar em consideração os materiais e se os móveis são claros ou escuros. Assim, poderemos dar mais destaque a cada um dos ambientes.

Com móveis escuros

Quando se trata de combinar cores frias, quentes e neutras, devemos também levar em consideração os materiais e se os móveis são claros ou escuros
Móveis escuros / pinterest.es

Se os móveis que você tem são escuros, ao combinar as cores, eles precisarão estar rodeados de tons mais claros para que fiquem em evidência. Portanto, escolha um tom neutro para as paredes; você poderá variar com um tom mais intenso, como azul ou verde que, como resultado, combinará com a roupa de cama para criar harmonia.

Com móveis claros

A madeira natural é uma aposta segura e muito funcional que se adapta a qualquer estilo

A madeira natural é uma aposta segura e muito funcional que se adapta a qualquer estilo. Se você quer lhe dar mais destaque, poderá conseguir através da cor.

Para criar espaços serenos e agradáveis de inspiração nórdica você poderá usar as cores pastéis ‘aveludadas’ e adicionar detalhes em cinza ou em cor areia. Se quiser arriscar um pouco mais, a cor terracota combinada com madeira clara também dará um ótimo resultado.

Móveis brancos

Se você quiser dar uma aparência mais elegante à seus móveis brancos, inspire-se no estilo inglês

Sem dúvida, a madeira e o branco são dois dos aliados infalíveis quando falamos de decoração. São 100% quentes e parece que são feitos um para o outro.

Mas, se você quiser dar uma aparência mais elegante aos seus móveis brancos, inspire-se no estilo inglês, que usa a cor verde e a cor telha para dar elegância e sobriedade aos seus espaços. Você precisará de cores quentes para acompanhar os seus móveis brancos, como o amarelo, o laranja ou os vermelhos, e estampas xadrez ou de flores para dar mais impacto.

Outros elementos a serem levados em conta para combinar cores

Outros elementos a serem levados em conta para combinar cores

  • A luz: é importante considerar a quantidade de luz natural que entra em cada espaço; se você precisa de muitos pontos de luz, ou se são cômodos escuros. Com base nisso, você poderá decidir se precisará ampliar o espaço através de cores claras, ou se, pelo contrário, poderá optar pelas mais escuras sem qualquer problema.
  • O clima: você também deverá considerar a sua localização geográfica. Se você mora em uma área quente, poderá utilizar cores que deem uma sensação de frescor, como o verde ou o azul. Enquanto os tons quentes vão muito bem em locais frios, uma vez que proporcionam mais calor e são mais acolhedores.
  • O que você quer transmitir: as cores que você escolhe para decorar influenciam no seu estado de ânimo. Dependendo do ambiente do qual estamos falando você poderá alcançar relaxamento, vitalidade ou concentração.

Assim, agora você já sabe como combinar cores. Portanto, escolha um cômodo e comece a colocar os seus conhecimentos em prática.