O que você deve considerar antes de podar o seu jardim

25 de dezembro de 2019
A poda é essencial no mundo da jardinagem. Para fazer isso sem muito trabalho, você precisa conhecer as características de cada planta, adequando a sua poda . Hoje daremos algumas dicas e ideias para ajudá-lo nessa tarefa.

Podar o seu jardim significa aparar ou suprimir brotos e galhos de árvores e arbustos. Através deste processo, será produzido um maior fluxo de seiva.

Se a planta for podada de maneira adequada, melhorará o seu desenvolvimento e a sua aparência. Dessa forma, a produção de frutos, o tamanho da planta e o florescimento irão aumentar. A espécie crescerá com vigor e forças totalmente renovadas, com um maior desenvolvimento da folhagem e um aumento da cor do caule.

No entanto, devemos conhecer os passos a seguir, para evitar que as espécies fiquem expostas a pragas, doenças… Além disso, uma poda ruim pode levar à morte do arbusto ou da árvore. Daí a importância de saber como realizar adequadamente esse processo. É realmente uma prática essencial no mundo da jardinagem.

Além disso, não se esqueça de que essa prática exige regularidade, caso contrário, seria inútil. Por outro lado, diferentes plantas exigem diferentes tipos de poda.

  • Árvores e arbustos: são podados no final do inverno e início da primavera.
  • Árvores frutíferas: devemos podá-las quando estiverem totalmente sem atividade, isto é, quando não tiverem nenhum tipo de frutos ou bagas. Dessa forma, irão florescer com mais força.
  • Plantas perenes: antes ou depois da sua época de crescimento, por isso recomendamos que você as pode no inverno.

Podar o seu jardim

Árvore frutífera plantada em vaso / labioguia.com

Conheça os tipos de poda

Em primeiro lugar, é necessário pensar qual tipo de poda você quer realizar, dependendo das características da espécie que você tem em casa. Além disso, esses processos podem ser combinados entre si, para atingir um estado ideal da planta, arbusto ou árvore.

A seguir, explicaremos brevemente em que consiste cada tipo de poda:

  • Poda de formação: para conseguir a estrutura que queremos na planta. Dessa forma, se conduz o seu desenvolvimento.
  • Poda de produção ou frutificação: através deste processo, se busca estimular a produção de flores, frutos e folhas. Ocorre principalmente em árvores frutíferas.
  • Poda de renovação ou regeneração: realizada em espécimes envelhecidos (às vezes prematuramente). Normalmente é realizada durante o inverno, naqueles galhos estruturais, para que a partir deles a planta se renove.
  • Poda de limpeza: é o processo pelo qual as flores e folhas que já estão secas ou maduras são eliminadas. Isso melhorará a aparência da planta. Pode-se dizer que é uma poda mínima.
  • Poda de pontas: a ponta dos galhos é cortada. Dessa maneira nascem novas ramificações, ganhando volume e folhosidade.
  • Poda de limpeza ou desbaste: utilizado para eliminar parte da folhagem, cortando a base dos ramos mais frágeis. Dessa forma, provocará uma melhor ventilação.

Algumas dicas para levar em conta antes de começar a podar o seu jardim

Em relação à seção anterior, deixaremos algumas dicas que você deve levar em conta antes de iniciar este processo; é mais complicado do que parece.

Antes de tudo, você deve considerar qual é o melhor momento para começar a podar o seu jardim. Para isso, pense nas características morfológicas e fisiológicas de cada uma das espécies que compõem o seu jardim. Cada uma delas precisa de cuidados e manutenção específicos. Nunca se deve podar durante a estação de crescimento.

Lembre-se de que em algumas espécies (na verdade uma minoria), esta prática não pode ser realizada. Um exemplo disso são aquelas plantas que não possuem caule.

Quanto às ferramentas (tesouras, luvas), elas devem ser apropriadas para a tarefa. Devem ser escolhidas com base no tamanho da ramificação que você deseja cortar, não no tamanho total da planta. Todas devem estar limpas e afiadas. Para afiá-las, você poderá usar uma lixa suave.

Podar o seu jardim

Ferramentas para podar (alicates) / proximaati.com

Mais dicas sobre como podar o seu jardim

Antes de prosseguir com a tarefa, preste atenção nas partes mortas, doentes ou danificadas. Veja se os galhos que você vai cortar estão mortos ou não, já que isso facilitará muito a tarefa.

Da mesma forma, fique atento não só às estações do ano, mas à temperatura e ao clima. Quanto menor for a temperatura e a dificuldade da adaptação da planta às intempéries, mais tarde deverá ser podada.

Pense que é muito mais fácil cortar grandes partes do galho de uma só vez. No entanto, isso trará problemas mais tarde, tornando necessários retoques mais contínuos do que se você cortasse aos poucos.

Se você quiser eliminar ou remover completamente uma planta, verifique se ela está realmente morta. Para isso, raspe um pouco a casca: se estiver de cor verde ou branca, ainda tem um pouco de vida. Mesmo que esteja muito debilitada pode acabar se recuperando meses depois. Apenas quando estiver marrom é que está morta.

Uma última ideia: olhe bem para a posição dos galhos, ela dirá muito sobre como podar. Veja se é necessário cortar alguns pequenos ramos ou galhos mais grossos.

Conclusão

Esperamos que essas ideias o ajudem na hora de podar o seu jardim. Não se esqueça de que é uma prática essencial na jardinagem.

Através da poda, você também poderá dar às suas plantas formas artísticas realmente originais.

podar o seu jardim

Arbusto podado na forma de um elefante / favim.com

Por fim, lembre-se de que para que essa ação tenha um significado real, deve ser complementada por outras, como manutenção geral, irrigação e fertilização.

A jardinagem é o mais puro dos prazeres humanos.

– Francis Bacon –