Arquitetura mexicana: colorida e luminosa

· 29 de março de 2019
Neste artigo falaremos sobre as particularidades da arquitetura mexicana e a importância da luz e das cores nos espaços.

A arquitetura mexicana é original, chamativa e muito bonita esteticamente. Além disso, possui certas peculiaridades que a fazem única em relação a outros estilos arquitetônicos. A morfologia, as cores tão particulares e a iluminação, tornam este estilo muito interessante. Por isso, a seguir apresentaremos as principais características da arquitetura mexicana.

Formas e estruturas na arquitetura mexicana

Formas e estruturas na arquitetura mexicana

A arquitetura mexicana se destaca por possuir estruturas contemporâneas. Embora tente preservar algumas características coloniais nas construções, a arquitetura moderna no México tem crescido com o passar do tempo.

Os edifícios e as casas são volumosos e imponentes visualmente. Em geral, de linhas retas e angulosas, onde a ênfase na geometria, os diferentes níveis e as grandes janelas, são os protagonistas dessas construções.

Arquitetos mexicanos como Ricardo Legorreta , Luís Barragán e Alberto Kalach destacam as suas obras contemporâneas introduzindo imponentes formas geométricas nas construções.

Além disso, complementam a geometria com texturas interessantes e cores emblemáticas. A seguir, enfatizaremos as cores e a iluminação. Elas são responsáveis ​​por, em conjunto com a morfologia, proporcionar originalidade e distinção aos espaços.

Cores e iluminação

A cor é um dos pontos mais importantes e característicos da arquitetura mexicana

cor é um dos pontos mais importantes e característicos da arquitetura mexicana. É um selo, uma identidade deste país. Portanto, está presente tanto na decoração e no vestuário como nas fachadas das construções. Assim, destacam-se as cores vibrantes e alegres, que historicamente provinham de corantes naturais.

Como as cores são utilizadas

As cores mais populares na arquitetura mexicana são: amarelo, laranja, vermelho, fúcsia, verde e azul. São tons vibrantes que geralmente são utilizados ​​juntos, criando assim uma composição visual alegre e original.

Por isso, a arquitetura mexicana contemporânea destaca-se pelo uso dessas cores nas fachadas das construções. Já não se trata apenas de edifícios ou casas em cores neutras como branco, cinza, preto ou bege, mas de estruturas bonitas e interessantes exibidas em cores e texturas extremamente alegres e interessantes.

Além disso, em várias ocasiões, duas cores vibrantes se complementam. Ou até mesmo utiliza-se todas aquelas mencionadas anteriormente em uma mesma estrutura.

Hospital Infantil Teletón

Hospital Infantil Teletón
Hospital Teletón / dedalusgs.com

É importante destacar a variação das diferentes morfologias e cores utilizadas na arquitetura mexicana. Por exemplo, o Hospital Infantil Teletón, localizado na cidade de Querétaro, no México. Este impressionante edifício possui vários módulos de diferentes cores. Entre elas, amarelo, laranja, vermelho, violeta e fúcsia.

Os mesmos são compostos de uma série de colunas que ajudam a filtrar o excesso de luz que entra no edifício. É uma construção imponente e agradável. Além disso, o seu interior é complementado pelos tons da fachada, acentuando ainda mais a alegria no espaço.

É muito importante destacar como a iluminação e as cores vibrantes são tão importantes neste tipo de construção, já que uma importante entrada de luz natural, combinada com tons quentes e alegres, cria uma estrutura agradável de transitar por dentro e por fora.

Casa Tec 205

Casa Tec 205
Casa Tec 205 / plataformaarquitectura.cl

A famosa Casa Tec 205, projetada por Moneo Brock Studio, está localizada na cidade de Monterrey, no México. Esta imponente construção destaca-se por acompanhar o espaço que a rodeia, através de planos verticais de diferentes cores.

Esses planos de cor fúcsia, azul, lilás e amarelo são estruturas que separam todos os espaços da casa e, por sua vez, geram um ambiente colorido e interessante em todo o espaço. Além disso, a construção possui a cor branca como característica comum na totalidade da casa.

A Casa Tec 205, de estruturas angulares, janelas e cantos que iluminam todo o perímetro, e suas cores mexicanas tão emblemáticas, é uma obra contemporânea com destaque a nível mundial, uma vez que atinge uma harmonia visual que combina estruturas, cores, iluminação e natureza perfeitamente.

Além disso, em seu interior, a variação de luzes, sombras e cores é igualmente interessante como no exterior da casa, já que conta com paredes de cores diferentes em todos os espaços.

O amarelo, por exemplo, está localizado próximo a janelas, onde entra mais luz natural. Como resultado, faz com que ela reflita e acentue a luminosidade interior.

Há uma grande variedade de obras mexicanas contemporâneas que se destacam pela iluminação e pelas cores. É muito interessante como a seleção e combinação de morfologias, cores e grandes janelas são meticulosamente pensadas.

Portanto, se você está planejando viajar para o México, poderá desfrutar de construções imponentes e coloridas.