Como fazer as crianças colaborarem em casa

11 de janeiro de 2020
É importante que as crianças colaborem em casa. Hoje daremos algumas dicas para que isso seja possível.

O fato de as crianças colaborarem em casa é, sem dúvida, a chave para torná-las mais organizadas e autônomas. Além disso, você também ensinará um hábito saudável, com o qual elas poderão contar por toda a sua vida. Como conseguir isso?

A maioria dos especialistas aponta que geralmente superprotegemos as crianças em relação às responsabilidades. Assim, é mais fácil dar de comer por mais tempo do que o necessário para evitar que se sujem, ou então não pedimos que levem o prato para a cozinha por medo de que o quebrem.

No entanto, isso só dificulta o seu desenvolvimento, uma vez que, dessa forma, são negadas as ferramentas indispensáveis ​​para a sua autonomia. Mais tarde, quando chegarem à adolescência, exigiremos que arrumem o quarto e colaborem em casa, sem perceber que esses hábitos devem ser adquiridos desde a infância.

Veja algumas maneiras de promover a sua autonomia.

Nunca é cedo demais para as crianças colaborarem em casa

A autonomia e a organização são ferramentas essenciais que devemos incentivar o mais rápido possível. Se você adaptar algumas tarefas à fase de maturidade em que estiverem, elas ficarão felizes e, assim, faremos com que as crianças colaborem em casa.

Guardar os brinquedos

crianças devem ajudar com os afazeres domésticos

Por exemplo: assim que começarem a engatinhar, ensine-as a ajudar a guardar os brinquedos. Tudo deve ser divertido, de tal forma que isso faça parte da brincadeira; portanto, lembre-se de que nesta fase a ideia é apenas fazer com que aprendam que a organização é importante.

Por volta dos 2 anos, elas já estarão prontas para guardar cada coisa no seu lugar. Então, facilite o processo! Coloque cestas coloridas na altura delas para que possam separar os brinquedos facilmente. Você pode tirar fotos do conteúdo e colá-las do lado de fora, para que a criança se lembre do que deve ser colocado em cada cesta.

Para que as crianças colaborem em casa, adapte o quarto para que elas possam acessar tudo facilmente. Isso facilitará bastante para a manutenção da organização. Aqui deixamos este artigo no qual falamos sobre como organizar o quarto das crianças.

O que fazer com as roupas para as crianças colaborarem em casa?

fazer as crianças colaborarem em casa

É importante que as crianças adquiram segurança e a tão sonhada autonomia. Para isso, recomendamos que você deixe que elas se vistam sozinhas. Respire fundo diante das suas combinações impossíveis e também entenda que elas precisam aprender a guardar as roupas.

Coloque as gavetas na sua altura e dobre tudo no estilo Marie Kondo, para que elas possam visualizar o que têm e também guardar as peças de volta mais facilmente. Ela mesma conta como ensinou a filha a dobrar as roupas e a ser organizada.

Na hora de comer

as crianças devem colaborar em casa

Aos 3 anos, aproximadamente, você já pode pedir que elas ponham a mesa. No entanto, vá com calma até que elas adquiram a destreza suficiente. Comece com os guardanapos, o pão… e, sem perceber, elas já poderão fazer tudo sozinhas.

Você também poderá fazer com que as crianças colaborem em casa ao chegar do supermercado. Com um ano e meio, elas já podem ajudar a guardar as frutas, o arroz, os biscoitos e algumas coisas na despensa. Elas geralmente ficam felizes em participar ativamente dos afazeres domésticos.

Dependendo das habilidades de cada criança, elas podem até mesmo lhe ajudar na cozinha preparando a salada, batendo os ovos da omelete ou misturando a massa dos croquetes, por exemplo.

Não se esqueça de aplaudir as suas realizações. No início, elas não farão a tarefa que lhe foi atribuída da mesma maneira que um adulto faria. Porém, a ideia é que elas adquiram habilidades, incorporando a limpeza e a organização na sua rotina para que, dessa forma, possam desenvolver a empatia e o trabalho em equipe.

A organização é muito importante para as nossas emoções.

Conclusão

Finalmente, não estamos falando de ajudar; trata-se de colaborar em casa, pois as crianças também moram ali e devem cuidar para que tudo se mantenha em boas condições. Como você pode ver, o seu filho aprenderá a ser mais independente e a integrar todos esses hábitos positivos desde bem jovem.

Lembre-se de que, graças a esse tipo de colaboração, a convivência familiar será incentivada, fazendo com que cada integrante da família se sinta igualmente importante, aumentando assim a sua autoestima.