Design para ganhar espaço em casa

2 de agosto de 2019
Aproveitar toda área da construção sem sacrificar a estética é a chave para ganhar espaço em casa e se sentir confortável.

A metragem da casa pode limitar o espaço habitável, mas não deve condicionar a vida nela. É necessário ter um bom design para ganhar espaço em casa. As duas premissas básicas que devem ser levadas em conta ao organizar e distribuir a casa são: o espaço disponível e as necessidades dos seus habitantes.

O espaço é um bem escasso e caro, mas uma boa distribuição pode tirar proveito disso. Um quarto pequeno e bem organizado pode ser mais prático do que aquele que é maior, mas está mal distribuído.

A fim de desenvolver as ideias de como a casa deve ser, além de levar em conta a área disponível, outros aspectos que afetam a distribuição e a organização geral da casa devem ser considerados.

Por um lado, a forma de cada um dos cômodos, se é regular ou irregular. Por outro lado, a luz e a orientação. Deve-se considerar que, dependendo da orientação de cada cômodo, a luz natural incidirá de forma direta ou indireta, criando assim ambientes diferenciados.

Analisando esses aspectos e utilizando os recursos decorativos – instalando móveis que aproveitem os cantos ou localizando a mesa de estudo perto de uma fonte de luz natural – conseguiremos ganhar espaço em casa.

Planejar para ganhar espaço em casa

Planejar para ganhar espaço em casa

Antes de empreender qualquer projeto, é necessário pensar sobre como queremos viver e quais necessidades temos. De quantos quartos preciso? Um banheiro é o suficiente ou é melhor ter um banheiro e um lavabo? Prefiro um cômodo aberto no qual a cozinha, a sala de jantar e a sala compartilhem o espaço ou cômodos bem definidos?

Diante destas perguntas, seria conveniente escrever as respostas em um papel para determinar as necessidades básicas que desejamos incluir na casa. Este seria o primeiro passo antes de iniciar as mudanças.

Novos tempos, novos usos

ganhar espaço em casa

Cozinha / nicolehollis.com

A falta de espaço se une com as mudanças no estilo de vida. Isto está modificando o uso tradicional dos cômodos em uma casa. Se antes o quarto era para dormir e a cozinha para cozinhar, atualmente tendemos a projetar cômodos polivalentes. É o caso, por exemplo, da cozinha que, com uma mesa e cadeiras, se torna um espaço para comer, trabalhar e até mesmo brincar.

O mesmo vale para o banheiro. Além da higiene pessoal, hoje em dia ele também é concebido como um espaço para o relaxamento. Podemos instalar, quando o espaço permite, um chuveiro de hidromassagem, uma sauna ou uma jacuzzi.

Espaço e luz

Espaço e luz

É necessário considerar que, além das medidas disponíveis, existem outros fatores que ajudam a criar uma sensação de amplitude. A iluminação é um exemplo claro disso.

Da mesma forma que um espaço com luz natural parece maior, uma sala com luz fraca ou opaca causa uma sensação muito diferente, de intimidade e acolhimento.

Para ganhar luminosidade, é possível recorrer ao uso de espelhos, aberturas de vãos, portas de vidro ou divisórias feitas com blocos de vidro que deixam passar a luz.

Os espaços abertos permitem integrar diferentes atividades em um único cômodo. Assim, aproveitamos a área, além de aumentar a sensação de amplitude.

O uso da cor e do design para ganhar espaço em casa

O uso da cor e do design para ganhar espaço em casa

Também é possível criar uma sensação de amplitude através das cores com as quais um espaço é decorado; tanto nos tetos e paredes quanto nos móveis. Tons claros, como o creme, mas especialmente o branco, fazem com que um cômodo pareça mais espaçoso.

Da mesma forma, alguns móveis são mais leves do que os outros. Assim, uma mesa de vidro ou com pés de tesoura, uma estante sem o fundo ou um assento com linhas sóbrias ajudam a ampliar o espaço visualmente.

Integrar elementos na decoração

Integrar elementos na decoração

Alguns elementos estruturais ou arquitetônicos da casa nem sempre são atraentes para as pessoas que vão morar nela.

Uma coluna no centro da sala não passa despercebida ao planejar o nosso espaço. Por isso, pintá-la da mesma cor que as paredes pode fazê-la parecer invisível aos olhos. O medidor de luz, por exemplo, pode ficar escondido atrás de um quadro ou em uma porta da mesma cor da parede.