Como criar um lindo jardim vertical

6 de julho de 2019
A falta de espaço ou de tempo para cuidar de um jardim não é mais desculpa para não desfrutar de uma maravilhosa composição vegetal em casa. Os jardins verticais são sempre uma boa ideia e hoje daremos algumas dicas para criar o seu.

Muitas pessoas são amantes da jardinagem em casa. Mas, independentemente de você ser um fã da jardinagem ou não, a ideia de hoje é muito fácil e original. Para espaços pequenos ou para aquela parede ou muro com o qual não sabemos o que fazer, o jardim vertical é uma opção maravilhosa e muito original.

Adoramos ver um belo jardim vertical, mas são poucos os que se atrevem a ter um. Mas, na verdade, fazer um deles é muito mais fácil do que parece. Precisamos somente de algumas diretrizes, muita imaginação e colocar a mão na massa. Esta ideia original cria espaços frescos e tranquilos onde você poderá relaxar.

Criar um lindo jardim vertical com vasos sobrepostos nos dará um elemento totalmente personalizado para o nosso terraço, jardim ou se você for mais ousado, para algum espaço interno da casa. Vamos lá.

Algumas diretrizes

Algumas diretrizes para ter um jardim vertical

Os jardins verticais são baseados na capacidade que algumas plantas têm de viverem suspensas. Felizmente, existem muitas delas, e isso evita a trabalhosa tarefa de procurar por exemplares específicos.

Neste sistema de jardins, a interação de fungos, bactérias e a simbiose das plantas é muito importante. É por isso que é bom ter algum conhecimento sobre as plantas que formos utilizar e da relação entre as diferentes espécies do nosso jardim vertical.

Elementos como a luz, as condições ambientais, a temperatura e a umidade só podem ser controlados em um jardim vertical interno. Portanto, aqueles feitos nos exteriores devem ser condicionados em relação às condições climáticas da região e usaremos as espécies vegetais locais.

Criar um jardim vertical: passo a passo

Não limite os jardins verticais ao terraço

A primeira premissa será o tipo de suporte que usaremos para o nosso jardim vertical. Você poderá complicar a sua vida o quanto quiser nesta primeira fase, mas sempre apostamos na reciclagem de materiais e peças que já temos em casa.

Umas simples persianas de madeira antigas aparafusadas à parede podem servir como suporte. Um palete ou uma peça de madeira reciclada na qual colocaremos algum tipo de moldura para realçar também são uma boa ideia. Além disso, também gostamos dos suportes para pendurar vasos. Neste caso, lembre-se de que devem ser muitos, mas não muito grandes.

Outro suporte de que gostamos especialmente, pela sua originalidade e efeito marcante, são os aquários transparentes. Suspensos na parede e preenchidos com pequenas pedras coloridas, eles podem conter diferentes tipos de plantas com um lindo efeito estético.

O conjunto de plantas

Escolher o tipo de planta para o seu jardim vertical

Além do design do suporte, é conveniente pensar no próprio design do conjunto de plantas. Decidiremos se queremos um jardim vertical em tons verdes e nada mais ou se, pelo contrário, queremos adicionar cor.

Lembre-se de que a cor influencia o nosso estado de humor e as nossas emoções. Além disso, também devemos escolher entre plantas que se destaquem muito da parede ou então, algo mais discreto.

Escolher um bom substrato é uma habilidade muito profissional. Mas felizmente, existem substratos especiais para jardins verticais no mercado, que são perfeitos para não nos complicarmos demais.

Uma vez escolhido e instalado o suporte e o substrato do nosso jardim vertical, você poderá pensar em instalar um sistema de irrigação especial para jardins verticais.

Mas se você for fazer este projeto pela primeira vez, o nosso conselho é regar manualmente cada vaso, principalmente se tivermos optado por um jardim vertical interno.

Escolher o tipo de planta para o seu jardim vertical

Criar um jardim vertical passo a passo

As plantas suspensas ou em formato de cascata são perfeitas para um jardim vertical. Os seus galhos e flores se estendem até o chão e servem para preencher os espaços vazios. Elas darão ao seu jardim vertical um extraordinário efeito de cortina natural.

As samambaias, como única espécie ou combinadas com outras plantas, também são perfeitas para este tipo de jardim. A sua aparência frondosa e a sua maravilhosa cor verde darão aos jardins verticais uma estética densa e um pouco selvagem.

Outra das nossas espécies favoritas em qualquer jardim vertical são as bromélias. Entre as suas muitas vantagens, alguns dos exemplares são dotados de belas folhas com cores avermelhadas. É uma opção fantástica para adicionar cor a um jardim vertical sem ter que jogar com a sazonalidade das flores.

Não se limite ao terraço

O conjunto de plantas

Esse tipo de jardim é uma ótima ideia para aquela parede do banheiro na qual não sabemos o que fazer. Eles também são perfeitos para a sala de estar ou de jantar. Qualquer parede que você escolher para criar jardins será imediatamente transformada, assim como o cômodo inteiro.

Se, além disso, você sempre sonhou com o seu próprio jardim de plantas aromáticas, não perca a oportunidade de experimentar o seu jardim vertical na cozinha. Ele não será somente o ponto focal para onde todos os olhares se voltarão. Além de sua função estética, um jardim vertical de plantas aromáticas na cozinha se tornará algo muito funcional.