4 dicas para dividir espaços de acordo com seu estilo

· 20 de julho de 2018
Você está pensando em dividir espaços? Aqui você encontrará uma série de dicas que o ajudarão a escolher a melhor divisória.

É cada vez mais comum ter a sala de estar e sala de jantar no mesmo ambiente. Isto às vezes é desconfortável, porque queremos um pouco de privacidade ou simplesmente dar uma sensação mais aconchegante à nossa casa. Existem várias maneiras de dividir espaços, a mais comum delas é o tabique. Com esta parede divisória os ambientes ficam totalmente divididos e não há conexão entre eles. A seguir, daremos algumas dicas para dividir espaços, mas ao mesmo tempo, sem quebrar o conjunto do ambiente.

Dependendo dos nossos gostos e do estilo decorativo da nossa casa será preferível optar por um ou outro estilo. Além disso, é preciso escolher previamente, se queremos uma divisão muito marcada ou que haja uma ampla conexão entre as duas partes. Escolha qual é a melhor opção para a sua casa, de acordo com as dicas que daremos a seguir.

Portas de correr: exclusivas para ambientes grandes

As portas de correr são um elemento perfeito para dividir espaços. Permitem juntar as duas partes do ambiente ou criar dois ambientes completamente diferentes. Ao abri-las ou fechá-las, podemos modificar o espaço de acordo com as nossas necessidades.

Se queremos quebrar completamente a junção dos espaços podemos instalar uma porta de correr opaca. Se não, podemos instalar uma porta com vidros ou totalmente transparente.

As portas de correr são recomendadas apenas quando os dois ambientes são grandes o suficiente. Caso contrário, se o ambiente é muito pequeno, pode dar uma sensação angustiante quando a porta estiver fechada. Por outro lado, a sua maior vantagem é que não ocupam nenhum espaço. Como elas são de correr, podemos aproveitar ao máximo todo o ambiente.

Portas de correr, exclusivas para ambientes grandes

Estantes: são ideais para dividir espaços e armazenar objetos

As estantes estão entre os objetos mais usados para o aproveitamento dos espaços. Esta é a melhor opção para os amantes de livros, já que é uma boa maneira de organizá-los.

As estantes podem ser vazadas ou fechadas, dependendo do nosso objetivo: se queremos que haja contato visual entre as duas partes ou não. Outra opção é guardar nas estantes apenas alguns elementos decorativos e deixar algumas partes vazias. Dessa forma, conseguiremos uma maior união entre os dois ambientes.

Se não houver uma abertura em cada lado da estante, é preferível que ela não esteja cheia. Isso deixará a luz entrar e haverá melhor visibilidade em todo o ambiente. Caso contrário, a estante será um muro impedindo a passagem da luz e deixando uma parte da sala na escuridão.

Estantes, ideais para dividir espaços e armazenar objetos

Bancadas: uma separação sem dividir o espaço

Se quisermos dividir os espaços, mas manter a união do ambiente, as bancadas são uma boa escolha. Ao colocar uma bancada, criamos cantos perfeitos para posicionar o sofá ou a sala de jantar. Ao mesmo tempo, todo o ambiente permanece unido e há perfeita visibilidade de uma área para outra.

Outra opção mais moderna que se encaixa muito bem com a decoração underground é instalar uma bancada inferior e outra superior. Assim, permanece apenas uma parte da parede sem construção e ainda há contato visual entre os dois ambientes.

Se a sua casa é clássica, certamente este último exemplo não é bom e será melhor escolher apenas uma bancada.

Bancadas, separação sem dividir o espaço

Estrutura de madeira: decoração e divisão de espaços

As estruturas de madeira são uma forma original de separar ambientes. Elas não ocupam muito espaço e dão um toque único ao ambiente. Esses separadores de espaço são feitos sob medida e possuem formas geométricas. Eles permitem o contato visual entre ambas as partes e, ao mesmo tempo, marcam muito bem a passagem de um ambiente para outro.

Se a sua sala de estar é pequena, essa é uma boa opção porque a luz atingirá todos os pontos e você não perderá espaço. Se você instalar para dividir a cozinha da sala da estar ou uma parte do terraço, poderá colocar uma trepadeira. Dessa forma, você pode ter em casa um ‘pedacinho’ da natureza e, além disso, a divisória será ao mesmo tempo um jardim interno.

Outra opção é pendurar com a ajuda de varais algumas fotos de momentos em família ou de férias. Como se fosse uma exposição, as fotos ficarão penduradas em toda a estrutura.

Estrutura de madeira, decoração e divisão de espaços