Como decorar a sua sala com espelhos redondos

9 de maio de 2019
Decore a sala usando espelhos redondos, um recurso dinamizador que complementará o estilo decorativo deste espaço.

Saiba como decorar a sua sala com espelhos redondos e faça com ela seja um espaço diferente e original, transformando esses recursos em componentes estéticos que quebram a retidão e dinamizam o conteúdo decorativo.

Um espelho redondo é um elemento ativo, isto é, em movimento. Não gera estabilidade nem paralelismo com outras linhas retas que estejam presentes, como quadros, bancadas, estantes, móveis, cantos, paredes, etc.

A forma circular gera um sentido dinâmico na nossa visão; em outras palavras, rompe com estereótipos e oferece outras possibilidades decorativas. Portanto, como este recurso pode ser usado na sala?

O círculo: um conceito decorativo original

Assim como foi mencionado anteriormente, o círculo é um componente muito inovador, capaz de transmitir movimento e dinamismo. Dessa forma, um conceito decorativo incomum pode ser trazido para a sala.

O círculo, um conceito decorativo original

As pessoas estão acostumadas a contemplar retângulos em quadros, espelhos, janelas etc. O sentimento que eles trazem é de estabilidade e retidão.

No entanto, o círculo é diferente. Este é um elemento geométrico que não reflete estabilidade, mas sim plenitude, algo que começa e não termina, é ativo e sem a rigidez do retângulo. Por isso, ele é visto como um elemento original.

– Na circunferência, o começo e o fim coincidem. –

-Heráclito-

Estudo do estilo da sala

É importante destacar que o tipo de espelho poderá ser determinado de acordo com o estilo decorativo da sala. Não devemos negligenciar a busca pela harmonia espacial, de tal forma que exista um diálogo entre móveis, cores e espelhos redondos.

Provavelmente, a seguinte questão surgirá: quantos espelhos posso colocar? Não os coloque aleatoriamente, mas sim racionalmente. Apenas se eles forem de tamanhos diferentes e com um design simples é que vários deles poderão ser colocados.

– Antes de decorar, é necessário pensar e refletir sobre o estilo que se pretende alcançar. –

Caso a intenção seja atribuir um certo protagonismo a um espelho, é importante que ele tenha um estilo ou um design definido e que haja apenas um; dessa forma, ele chamará a atenção e dinamizará a sala.

Estudo do estilo da sala

Tipos de espelhos redondos

Existem vários formatos de espelhos redondos; a escolha de cada um deles dependerá exclusivamente do gosto do morador da casa. Mostraremos aqui alguns exemplos:

  • Formato simples: consiste em apenas um círculo com uma linha definida, simples e sem qualquer decoração. Este estilo fica muito bem em casas modernas, minimalistas e com uma aparência mais simples e sutil.
  • Com moldura simples: há casos nos quais o espelho é uma circunferência simples e suas bordas são delimitadas por uma moldura lisa ou com algum design simples, sem exageros ou excentricidades.
  • Espelho com formato de sol: decoração com raios solares nas bordas. O que esse formato faz é direcionar o nosso olhar diretamente para o espelho enquanto simula a forma de um sol.
  • Espelho com decoração rococó: caso a intenção seja um estilo muito mais ornamentado, o rococó é o melhor exemplo. Ele pode ter pedras, guirlandas, curvas e vegetais completando a parte externa, com a cor dourada tendo uma presença importante.
  • Com moldura em forma de flor: uma moldura que simula as pétalas de uma flor e o próprio espelho representando o ponto central, ou seja, o pólen. Este formato combina muito bem com estilos rurais.
Tipos de espelho redondo

Certamente, existem muitos outros formatos, alguns mais decorados e outros mais básicos. O espelho poderá ser escolhido de acordo com o tipo de decoração da sala.

Áreas da sala para colocar espelhos redondos

Obviamente, existem certas áreas onde não é viável colocar um espelho. É necessário ter as partes deste espaço bem assimiladas e pensar corretamente sobre qual é o melhor lugar para colocá-lo, tanto pelo protagonismo que ele venha a ter quanto pela funcionalidade.

  • Em uma parede lateral: neste caso, ele terá uma relevância notável juntamente com outros elementos decorativos da sala; portanto, isso contribui para o estilo.
  • Acima da lareira: este espaço é, sem dúvida, uma espinha dorsal da decoração da sala. Se colocado neste local, o protagonismo obtido é muito notável.
  • Ao lado da mesa de jantar: esta pode ser uma área muito confortável tanto para o seu uso quanto pela sua contribuição estética; é como se o espelho presidisse a refeição.

Finalmente, é importante não o colocar próximo a áreas de luz natural, como entre janelas ou ao lado de uma porta. Se for colocado em uma área neutra, que tenha iluminação suficiente e a decoração esteja equilibrada, então este será o lugar correto.