7 tipos de revestimentos para as paredes

· 14 de agosto de 2018
Os diferentes tipos de revestimentos de parede nos permitem decorar e ao mesmo tempo "esconder" algumas imperfeições. Escolha a opção que melhor se adapte ao seu gosto e estilo.

Se, em vez de pintar, você quiser algo diferente para as paredes da sua casa, você precisa ler o artigo a seguir. Nós lhe mostraremos quais são os tipos de revestimentos para as paredes que você pode comprar ou fazer.

Os diferentes tipos de revestimentos para as paredes nos permitem decorar e ao mesmo tempo “esconder” algumas imperfeições. Escolha a opção que melhor se adapte ao seu gosto e estilo.

Tipos de revestimentos para as paredes: qual eu escolho?

Quando queremos dar vida às nossas paredes, temos várias opções. Uma delas é revesti-las. Afinal, existem diferentes tipos de revestimento que podemos usar, de acordo com o nosso gosto e orçamento. E, claro, o estilo decorativo que o ambiente possui.

1. Madeira

Os painéis de madeira são uma aposta segura para um quarto, uma sala ou, até mesmo, para o exterior. Eles têm muitas vantagens, pois cobrem as imperfeições da parede e isolam tanto acusticamente quanto termicamente. Portanto, eles podem evitar ruídos da rua e aquecer a casa no inverno.

Além disso, é um dos tipos de revestimentos mais utilizados devido ao conforto e elegância que traz ao ambiente. Entretanto, você deve ter em mente que, se você escolher madeira natural, a manutenção é mais trabalhosa. Portanto, uma boa alternativa são os revestimentos que imitam a madeira.

2. Cerâmica, ardósia e pedra

Se o seu orçamento é um pouco limitado, você sempre pode escolher o artificial e não o natural. Existem versões muito boas com as quais você dificilmente pode perceber a diferença. O preço será muito diferente, dependendo do material!

cerâmica, pedra ou ardósia são ideias muito interessantes para revestir o quarto se quisermos um toque atraente. Mas, preste atenção. Afinal, se exagerarmos na quantidade, a sala pode ficar muito sobrecarregada e perder o efeito que queríamos.

3. Mármore

Quando pensamos em mármore, talvez o relacionemos com a cozinha, o banheiro ou até mesmo o pátio. No entanto, atualmente, ele é usado para diferentes ambientes, já que está disponível em várias cores. Além disso, esse material dá uma aparência mais elegante e distinta para a parede.

O problema é que ele é um dos tipos de revestimentos para as paredes mais caros do mercado. A parte boa é que você não precisa usar uma grande quantidade. Pode colocá-lo somente em uma área da parede. Além disso, sempre podemos recorrer às imitações, que geralmente são bastante fiéis.

4. Ladrilhos

Nós também relacionamos os ladrilhos com a cozinha e o banheiroOs azulejos são cada vez mais usados para cobrir outros ambientes. Contanto que os usemos com moderação, eles ficam ótimos e são excelentes devido à facilidade de limpeza.

Eles podem ser colocados, por exemplo, no quarto das crianças, em um corredor movimentado. E, claro, ao ar livre. Alguns azulejos imitam outros materiais de uma maneira incrível.

5. Fibras naturais

Se você gosta de opções mais naturais ou ecológicas, pode escolher fibras naturais para cobrir as suas paredes.  Entre elas, estão a cortiça, o junco e os tecidos. As principais vantagens desses tipos de revestimentos é o isolamento que oferecem. Além disso, eles dão uma aparência original ao ambiente.

Infelizmente, a sua manutenção é necessária. Com o passar do tempo, eles se deterioram e devem ser trocados.

6. Papel de Parede

Talvez você possa pensar que colocar papel de parede seja algo “antigo”. Entretanto, é cada vez mais comum em casas modernas ou naquelas que querem imitar o estilo inglês, com seus papéis de parede com estampas florais na sala.

Há uma grande variedade de papéis de parede hoje em dia. Além disso, eles ficam perfeitos na sala principal ou no quarto das crianças. Quando se estragam ou ficam velhos é tão simples removê-los quanto colocar outro.

7. Espelhos

Esse é outro dos tipos de revestimentos para as paredes que podemos escolher para os nossos ambientes. O melhor de tudo é que o espelho dará uma sensação de amplitude ao espaço onde o colocarmos. Além disso, essa característica também é ideal para outros ambientes. Facilmente, conseguiremos criar a sensação de que o cômodo mede o dobro.

Podemos também escolher o vidro se quisermos trazer luz aos espaços e fluidez de comunicação entre dois ambientes. Sendo um material frio, é importante combiná-lo com outros materiais quentes. Também há a opção de fazer aplicações de vinil sobre o espelho. Além disso, você pode escolher diferentes cores.

se o que você está procurando é algo mais vanguardista para um escritório ou loja, o metal é perfeito. Ideal para combinar com tijolos, argamassa ou concreto. Dessa forma, é possível decorar também com elementos reciclados.