Elimine o estresse ambiental da casa

26 de setembro de 2019
Uma casa bem organizada e equilibrada é sinônimo de conforto e bem-estar.

Ter um ambiente agradável em casa é fundamental. Por isso, elimine o estresse ambiental da sua casa através das diferentes maneiras de favorecer o trânsito de pessoas e não gerar uma maior distensão espacial.

Se você analisar a sua casa cuidadosamente, perceberá que metade das coisas poderiam ser dispostas de uma outra maneira; isto é, a decoração poderia ser planejada a partir de outro ponto de vista para, dessa forma, obter um espaço muito mais confortável. O problema geralmente está na saturação dos elementos.

Por isso, propomos algumas dicas que podem ajudá-lo a obter uma sensação de paz e tranquilidade. Ter um ambiente mais oxigenado é sinônimo de descanso pessoal. No entanto, quando ele está cheio de objetos e cores, isso pode causar estresse e desconforto.

A falta de harmonia: um erro muito comum

A falta de harmonia, um erro muito comum

Toda casa tem erros na disposição e na combinação dos elementos decorativosmas, como regra geral, a saturação ambiental é algo muito comum. Parece que, se preenchermos todos os espaços, a casa ficará mais bonita. Porém, na verdade, isso não é bem assim.

Um erro bastante comum é a diferença estética entre os formatos e a desproporção, de tal forma que não há escalas estáveis ​​nem um padrão para os objetos. Em outras palavras, há uma clara separação entre todos eles, um fato que gera problemas em relação ao conforto.

Se tivermos em mente a ideia de manter a ordem, é possível que, com calma e dedicação, possamos obter um conteúdo decorativo apropriado. No entanto, manter a ordem não significa que o design interno dos móveis e das cores sejam adequados. Na verdade, deve haver uma harmonia geral.

É essencial considerar o estudo das formas, cores e escalas.

Formas de eliminar o estresse ambiental

Formas de eliminar o estresse ambiental

Obter uma ordem estável dos ambientes é algo fácil de ser conseguido. Em contrapartida, alcançar a paz de espírito nos cômodos pode ser mais complicado. A seguir, mostraremos algumas formas de eliminar o estresse que há na sua casa.

  • Em primeiro lugar, é necessário ter tudo organizado, limpo e arrumado. Sem dúvida, este é o primeiro passo antes de alcançar o objetivo.
  • Se um cômodo tiver mais móveis do que for realmente necessário, é hora de tomar uma decisão importante: eliminar o que não for mais útil. Se tivermos móveis que não serão usados, então estaremos gerando um princípio de saturação.
  • Aplique o conceito de funcionalidade. Apenas o que tem utilidade deve ser realmente valorizado. No entanto, deve haver um sentido estético coerente.
  • Tente fazer com que as paredes tenham cores neutras e que os móveis não se destaquem de forma exagerada. Independentemente de usar cores quentes ou intensas, elas devem estar bem ajustadas para produzir uma atmosfera agradável.

A iluminação: o fator mais importante

A iluminação, o fator mais importante

A luz que temos em casa configura-se como o princípio fundamental a partir do qual um ambiente mais relaxado e pacífico pode ser buscado. Por isso, nos espaços comuns onde a família passa a maior parte do tempo, é importante que tenhamos uma boa distribuição dos pontos de luz.

Por exemplo: na sala de estar ou no quarto, devemos ter um tipo de luz que seja quente e que transmita equilíbrio. Isso, juntamente com a decoração bem ajustada, favorecerá a conjugação de elementos com os quais será possível gerar uma harmonia no todo.

De qualquer forma, sempre que pudermos devemos aproveitar a luz natural. Isso será melhor do que usar a luz artificial de forma contínua. O ambiente ficará repleto de positividade e energia se tivermos grandes janelas que permitam a entrada deste tipo de luz.

A luz é o principal foco de conforto e sensibilidade.

Encontre um equilíbrio na decoração para evitar o estresse ambiental

Encontre um equilíbrio na decoração para evitar o estresse ambiental

Como dissemos antes, decorar interiores não significa que devemos sobrecarregar todos os espaços. Não há nenhum problema se houver um canto vazio. De fato, isso pode ser bom para que o espaço fique melhor oxigenado.

Procure organizar a decoração de forma coerente, distribuindo os artigos sem que haja um desequilíbrio na distribuição; isto é, não devemos ter mais elementos de um lado do que do outro, mas sim manter uma distribuição bem organizada.

Em resumo, para alcançar a harmonia em casa, é necessário eliminar o estresse do qual falamos neste artigo. Busque principalmente a proporcionalidade e uma correta adequação dos móveis e das cores no espaço.

Kondo, Marie: La magia del orden, Aguilar, 2001.

Tabero, Pepa: Manual de la casa limpia y ordenada, La Esfera, 2016