Os nomes das estampas que todo amante de decoração deve conhecer

· 26 de abril de 2019
Estampas com nome próprio que decoram nossas casas. Quantas delas você conhece? Vamos testar os seus conhecimentos sobre decoração?

Você se considera um especialista em decoração? Neste artigo vamos testá-lo com um passeio pelo mundo das estampas que todo amante de decoração deve conhecer. Você aceita o desafio?

Ao longo dos anos, os tecidos foram se transformando. Às vezes, através das estampas podemos distinguir a época a que pertencem ou, simplesmente, trazer à nossa memória personagens que deram personalidade a algumas delas.

As estampas têxteis mais importantes

Pé de galinha ou pied de poule

Este tipo de estampa é formado a partir de um padrão de duas cores e remonta à Escócia de 1800
Tapetes com estampa pé de galinha / pinterest.es

 

Este tipo de estampa é formado a partir de um padrão de duas cores e remonta à Escócia de 1800. É conhecido também como houndstooth e tem esse nome porque a repetição de sua forma parece criar um desenho de patas. Embora originalmente fosse preto e branco, evoluiu e podemos encontrá-lo em muitas combinações e tamanhos.

Estampas Vichy

Se você é um fã de decoração, certamente não chama a estampa típica das toalhas de piquenique de xadrez
Colcha com estampa Vichy / pisos.com

Se você é um fã de decoração, certamente não chama a estampa típica das toalhas de piquenique de xadrez. O seu nome é Vichy ou GinghamE deixou de ser um desenho exclusivo de roupa de mesa para chegar aos vestidos de uma das atrizes mais importantes e atraentes dos anos 60: Brigitte Bardot. As cores mais comuns são o vermelho e o azul, e sempre em um fundo branco.

Tartan

Dentre as estampas que todo amante de decoração deve conhecer está o tartã, outro tipo de tecido xadrez que surge a partir de uma série de linhas horizontais e verticais
Estampa tartan / pinterest.es

Dentre as estampas que todo amante de decoração deve conhecer está o tartan, outro tipo de tecido xadrez que surge a partir de uma série de linhas horizontais e verticais, formando figuras características das tradicionais ‘saias’ escocesas. Por isso, também é conhecido como kilt, que é como a roupa é chamada. Além disso, curiosamente, tem sido um dos tecidos mais utilizados ​​no mundo da moda, e neste ano é tendência na decoração de interiores.

Paisley

O Paisley tem mais de 2000 anos e diz-se que sua forma faz referência a um cipreste inclinado

Você já viu aquelas estampas em forma de lágrima com cores tão típicas do movimento hippie? Trata-se do paisley ou cashmere, e vem da Índia. Tem mais de 2000 anos, e diz-se que a sua forma faz referência a um cipreste inclinado.

Chegou ao Ocidente no ano de 1800, e desde então é um dos tecidos que vai e vem na moda, e nós geralmente o relacionamos com a psicodelia dos anos 60 e 70. É um tecido típico de estofados, roupas de cama e cortinas em muitas residências com decoração clássica.

Ikat étnico

O Ikat é originário da Ásia e assemelha-se à técnica de tingimento tie dye
Estampa Ikat / blog.avenio.es

 

Esta é uma das estampas étnicas mais populares em termos de decoração. É originária da Ásia e assemelha-se à técnica de tingimento tie dye. Nela, os fios são tingidos antes de serem tecidos e dão origem à formas simétricas desfocadas originais. São ideais para almofadas e roupa de cama.

Polka dot

Também chamada de estampa poá ou estampa de bolinhas

Também chamada de estampa poá ou estampa de bolinhas, esta é uma das estampas que quase todo mundo conhece. É praticamente atemporal, e são círculos sobre um fundo liso que podem variar na combinação de cores e tamanhos.

Ao contrário do que você pensa, não é um típico desenho espanhol dos trajes de flamenco ou de chulapa. O seu uso no final do século XVIII era exclusivo das classes mais pobres, pois escondiam os defeitos de suas roupas desenhando mais buracos. O seu nome em inglês, polka dot, está relacionado à uma dança de mesmo nome muito típica da época. No final do século XIX, na Inglaterra, já era uma estampa da moda, e de lá alcançou o resto do mundo.

Mud cloth

O Mud Cloth é típico da África, e seu processo artesanal é trabalhoso, já que utiliza o barro para sua estampagem
Decoração Mud Cloth / expodecomagazine.com

Recentemente, contamos em um artigo sobre o que é mud cloth e como ele é feito. É típico da África, e seu processo artesanal é trabalhoso, já que utiliza o barro para sua estampagem. Assim, cada peça é original, contando histórias através dela.

Esta é uma das estampas que chegaram para ficar há alguns anos. Hoje em dia a vemos em objetos decorativos, como tapetes ou almofadas. Também é utilizado em utensílios de cozinha, como louças, ou cobrindo paredes em forma de papel de parede. Não há nada que resista à estampa mud cloth.

Toile Jouy

Esta é uma das estampas mais clássicas e elegantes que existem

Esta é uma das estampas mais clássicas e elegantes que existem. Vem diretamente da França, e nasceu em 1760. Seu nome foi dado pela cidade onde começou a ser confeccionada: Jouy.

Esta estampa era feita de uma única cor (azul, sépia ou vermelho) em fundo branco, e eram representadas cenas pastoris com flores, pássaros ou eventos da época. Hoje em dia continua sendo monocromática, mas mais tons são aceitos e os temas também têm variado muito.

São estampas muito românticas e com uma alta carga estética, por isso não passam despercebidas. Perfeitas para ambientes clássicos. São típicas de louças, embora em um quarto possam proporcionar muitas possibilidades. Você se atreveria a vestir um cômodo com Toile Jouy nas paredes?

Algumas outras estampas clássicas

Algumas outras estampas clássicas

  • Jacquard
  • Herringbone ou espinha de peixe
  • Arlequim
  • Liberty
  • Chevron ou zig-zag

Você conhecia todos esses nomes ou aprendeu alguma coisa nova? As estampas são uma das armas mais poderosas que temos para dar destaque a um ambiente. Portanto, agora você poderá utilizá-las sabendo o seu nome próprio.