Bonsais: belas árvores em miniatura

6 de março de 2020
Quem disse que as árvores de tamanho pequeno não são capazes de expressar a beleza? Para provar que isso não é bem assim, temos os bonsais, essas árvores de estética peculiar.

Os bonsais são o resultado de uma longa tradição oriental que remonta à China do século II a.C. No entanto, foi o Japão que introduziu essa arte milenar no Ocidente, com base no cultivo de plantas em vasos.

A palavra japonesa bonsai deriva do termo «bon», que significa bandeja, e «sai», que significa planta; assim é designada a árvore ou planta cultivada em um vaso que, mantendo pequenas dimensões, é capaz de expressar grande beleza.

Como conseguir um bonsai

Bonsais: belas árvores em miniatura

Um bonsai é uma planta de tronco lenhoso que pode ser obtida diretamente da natureza, a partir de uma estaca extraída da árvore que se deseja imitar. Mas, para começar a cultivá-los, o ideal é adquirir um exemplar já formado em um viveiro. 

A essência do sucesso no seu cultivo está na aplicação das técnicas de poda, amarração e composição com o cuidado adequado e com a criatividade para reproduzir as condições nas quais as espécies viveriam no seu habitat natural.

Onde podemos colocar o bonsai?

Bonsais: belas árvores em miniatura

Existem bonsais que precisam estar ao ar livre para se desenvolverem de maneira ideal enquanto outros não suportam o frio e devem ser cultivados sob um abrigo. Assim, dependendo da espécie escolhida, ela se adaptará melhor aos interiores ou aos exteriores.

Além disso, as espécies tropicais são as únicas que devem ser cultivadas em ambientes fechados: ficus, bambu ou araucária são alguns exemplos.

Estilos de bonsais para todos os gostos

Bonsais: belas árvores em miniatura

O cultivo dessas árvores tenta reproduzir o mais fielmente possível os efeitos que as condições naturais têm sobre o desenvolvimento das árvores: troncos inclinados em busca de luz, posturas extremas devido ao vento, silhuetas rígidas graças ao sol…

Isso deu origem aos diferentes estilos de bonsai, existindo mais de 30 tipos. Alguns dos estilos mais representativos são os seguintes:

  1. Yose-ue ou floresta: é o nome dado à plantação em grupo que se assemelha à paisagem natural.
  2. Kengai ou bonsai em cascata: representa árvores que crescem entre as rochas de uma montanha íngreme e caem verticalmente por causa do seu próprio peso.
  3. Fukinagashi: o bonsai parece inclinado por ventos fortes que sopram na mesma direção.
  4. Shakan: É um bonsai inclinado que só tem galhos na direção para a qual o tronco se torce.
  5. Chokkan: é aquele que cresce em linha reta, como se a natureza tivesse lhe dado um lugar privilegiado.

Se você gosta de cultivar bonsais, não deve ficar obcecado em fazer com que eles adotem um determinado estilo. Não há dois bonsais iguais, pois a sua forma varia de acordo com cada árvore. É o autor que deve moldá-los seguindo a sua inspiração.

Como plantar bonsais por reprodução vegetativa (estacas)

Reprodução por estacas

Para plantar um bonsai, é necessário escolher árvores que se reproduzam bem por reprodução vegetativa, tais como álamo, salgueiro ou bétula.

O enraizamento de estacas é um bom método para começar a cultivar bonsais. Uma estaca pode ser obtida a partir de um caule verde no início do verão ou de um caule lenhoso no outono. Considere as seguintes etapas para evitar falhas:

  1. Retire algumas folhas da estaca, espalhe hormônios sobre a base e a envolva com argila.
  2. Forme uma bola e enterre-a em um bom substrato, proteja as estacas do sol e do vento e regue. Para isso, você deve borrifar com água frequentemente.

No entanto, é importante lembrar que nem todas as espécies respondem da mesma forma a este tratamento. Por exemplo, a maioria das coníferas o rejeita. Portanto, pesquise bem quais são as espécies mais adequadas para plantar usando esse método.