Conheça algumas tendências para a decoração de interiores

· 9 de fevereiro de 2019
O design de interiores aposta no natural, por isso veremos materiais como bambú, cortiça ou vime. Quanto às cores, deixaremos um pouco de lado o branco total, para vê-lo combinado com outras cores. 

Conheça algumas tendências para a decoração de interiores que estão em alta atualmente. Você verá várias mudanças, algumas realmente inesperadas. Se você quiser conhecer as últimas novidades, confira as sugestões que apresentaremos a seguir.

Já adiantamos: o estilo nórdico não terá tanta presença como nos anos anteriores, o protagonista será o estilo vintage.

As cores na decoração de interiores

O branco nunca deixará de ser usado, mas agora será acompanhado por outras cores, destacando tons quentes ou tons terra. No entanto, para obter maiores contrastes sobre o branco, as melhores opções são o rosa-melancia ou o verde-escuro.

Entretanto, nas cozinhas, a cor preta predominará, com madeira, metais ou pedras.

Nos banheiros, as cores suaves estarão mais presentes, como a violeta, bege ou azul-acinzentado.

Falando dos pisos, eles sofrerão uma mudança radical. As cores frias foram esquecidas totalmente. Serão substituídas pelas cores mais quentes, que favorecerão a formação de espaços muito mais acolhedores.

Pouco a pouco, os tons metálicos começarão a ter mais importância, embora seja absolutamente verdade que os metais mais tradicionais serão deixados um pouco de lado.

O estilo industrial abrirá passagem, como por exemplo, para os metais polidos. Além disso, o aço e a mistura de ferro e bronze continuarão sendo usados.

Um conselho: se você quer uma cozinha elegante e sofisticada, escolha o aço inoxidável na cor preta.

Essa paleta de cores poderá ser usada em qualquer área da casa. Basta ter em mente as combinações possíveis e os resultados, para criar ambientes quentes e equilibrados.

Uma exceção serão as madeiras, cada vez em cores mais escuras, uma tendência que foi esquecida nos últimos anos. Exemplos disso são as madeiras de nogueira ou ébano.

Nós temos que fazer uma menção especial a cor azul, em algumas das suas variantes, como o azul-cobalto ou azul-índigo.

decoração de interiores

 

 

Todas essas cores serão organizadas em desenhos geométricos como listras, simples e ao mesmo tempo sofisticadas. Na verdade, veremos mais as listras em ziguezague, não como simples linhas retas. Também veremos muitos desenhos em forma de losango.

Poderemos ver todos eles em todos os tipos de tecidos, como mantas, colchas, toalhas, tapetes ou, até mesmo, em cortinas, paredes ou pisos.

Os materiais mais vistos na decoração de interiores

Nas cozinhas e nos banheiros, continuaremos usando o mármore, mas não somente o branco, que é talvez o que nós estamos mais habituados a ver.

Durante este ano, uma tendência que será muito vista é a natural, o que influenciará a escolha de todos os objetos e as cores para a nossa casa.

Estreitamente relacionada ao natural, nós encontraremos o uso da madeira, obviamente praticamente sem tratar. Quanto menos tratada, melhor.

Todo isso nos levará a utilização de fibras naturais, algo que nós vimos com frequência nos últimos anos.

  • Bambu: conhecido pela sua resistência, durabilidade, exotismo e baixo custo. Além disso, o seu crescimento é muito rápido, por isso, através do seu uso, promoveremos uma arquitetura mais ecológica. Embora nós possamos usá-lo na mobília, use-o principalmente no piso. Na verdade, até poucos anos atrás, era um material que não chamava muita atenção.
  • Vime: principalmente notável por ser um material forte, além de ser leve. Por essa razão, todos os móveis ou objetos construídos em vime serão muito leves. Podemos encontrá-lo em todos os tipos de objetos, incluindo luminárias.
  • Rattan: ganhou o seu espaço devido à sua elasticidade, o que faz com que absorva todos os tipos de pancadas e choques. Portanto, o seu uso é altamente recomendado se houver crianças pequenas em casa.
  • Cortiça: este tipo de material será muito usado este ano, tanto em pequenos objetos como em uma parede inteira, substituindo a tinta.
decoração de interiores

 

Como se buscará o natural, os materiais não serão submetidos a tratamentos: agora poderemos ver as suas imperfeições (como rachaduras ou desgaste) sem que pareçam antiestéticos. Veremos uma autêntica homenagem à ecologia, promovendo assim o cuidado com o meio ambiente.

Quanto aos têxteis, se destacará o veludo e os estofados variados, especialmente nas cabeceiras de cama, apesar da preferência geral pelo ferro.

Decoração de interiores: conclusão

Esperamos que essas ideias o ajudem a decorar o interior da sua casa.  Como você pode ver, nós focamos principalmente nos materiais e nas cores. Assim, você poderá seguir a moda, mesmo que você não tenha uma nova casa. Você poderá brincar com os espaços e fazer algumas mudanças.

Portanto, você só precisará aplicar todas essas ideias em móveis, paredes e acessórios da sua casa antiga. Não se esqueça de que este ano você verá materiais naturais na sua forma mais pura.

Então, você poderá aderir a essa tendência atual de decoração de interiores, mesmo que para isso tenha que deixar algumas coisas para trás.

Portanto, esse é um bom momento para unir a tendência DIY (ou faça você mesmo). Assim, você estará ainda mais envolvido nessa corrente tão naturalista e ecológica.