Construa o seu próprio quiosque no jardim

16 de janeiro de 2019
Para aproveitar o jardim ainda mais e obter um espaço descontraído e de lazer, construa o seu próprio quiosque para fazer as comemorações de verão.

O jardim se tornou um espaço de lazer e diversão. Gostamos de tê-lo arrumado, decorado, bem cuidado e com todos os acessórios necessários para aproveitá-lo ao máximo. Por isso, construa o seu próprio quiosque no jardim e o transforme em um espaço de entretenimento.

Quando faz um tempo bom, temos vontade de estar ao ar livre e aproveitá-lo tanto durante o dia quanto à noite, sem estar debaixo de um teto. Se você tiver um jardim, uma possibilidade é tirar dele o máximo proveito, para você e para os seus entes queridos.

Tanto para dar uma festa quanto para uma reunião de família, ter um quiosque no jardim permitirá que você tenha um lugar na sua casa para guardar as bebidas, preparar refeições ou simplesmente para utilizar como um cantinho pessoal.

O que um quiosque no jardim representa?

O que um quiosque no jardim representa?

Pode parecer extravagante e incomum encontrar um quiosque em um jardim particular. No entanto, ele cumpre uma função muito interessante para qualquer casa: um local de lazer com um clima descontraído.

Os quiosques são encontrados em praias, em boates, em piscinas públicas, parques, etc. Por que não trazer a essência de um lugar assim para a sua própria casa? Da mesma forma que ele pode ser aproveitado em um ambiente fora de casa, você também pode construí-lo no seu próprio espaço.

Além disso, se você tiver uma piscina, eles formarão um par perfeito para criar um espaço ideal para montar qualquer tipo de comemoração. Porém, certamente é necessário equipá-lo muito bem para que ele possa ser aproveitado ao máximo.

Passos para construir o seu próprio quiosque

Para poder construir um quiosque, a primeira coisa que você deve ter é um jardim grande, com dimensões consideráveis, para usar uma parte dele para o quiosque. Passos que você deverá levar em conta:

  • O espaço escolhido deve ser preferencialmente em um canto; de fato, se houver um canto pouco usado ou vazio, este é o lugar ideal, pois assim toda a superfície é aproveitada ao máximo.
  • O quiosque não precisa ser muito grande. Apenas 13 metros quadrados já são mais do que suficientes para ter mobilidade interna e espaço para armazenar alimentos, bebidas, geladeira, copos, etc.
  • De madeira: existem modelos com esse material, imitando um bar de praia caribenho, com um teto pequeno e quatro colunas em cada lado. Tudo aberto para o exterior e com um balcão disponível para comer, beber e também para se apoiar.
  • De pedra: pode ser feito de maneira semelhante ao anterior, mas com uma estrutura feita de pedra, cimento e tijolo. O problema é que, se em algum momento você quiser removê-lo, isso ficará mais caro do que no caso dos que são feitos de madeira.
  • Telhado: recomenda-se usar um material resistente às intempéries; já que podem ocorrer diferentes tempestades que causem danos. A melhor coisa a fazer é usar um impermeabilizante para telhados.
Passos para construir o seu próprio quiosque

Quiosque de madeira / toldosmalagaecuador.com

Naturalmente, a forma deve ser quadrangular, de modo que ele esteja aberto em 3 ou 4 lados. É necessário pensar sobre a própria funcionalidade da estrutura.

Móveis para o interior e o exterior

É necessário equipar o quiosque da melhor maneira possível e sem perder o cuidado estético. Devemos nos lembrar que é essencial que um lugar assim seja devidamente limpo, para o caso de recebermos visitas ou se houver uma comemoração.

  • Bancos: é preciso transmitir a essência de um bar de praia; ou seja, este é um lugar para diversão e sociabilidade. Podemos dispor vários bancos, fixos ou móveis, que sigam a mesma linha decorativa do quiosque.
  • Churrasqueira: um bom recurso para preparar alimentos assados. A chaminé deve sair pelo telhado. Porém, não inclua uma churrasqueira se o quiosque for feito de madeira; isso deve ser feito apenas nos quiosques de pedra.
  • Geladeira: ela pode ficar escondida, por isso não é necessário que ela tenha um design definido; isto é, a sua exposição ao público pode ser dispensada.
  • Plantas e decoração: a cor verde das plantas pode dar um toque mais natural, da mesma forma que decorá-lo com outros recursos remetendo ao verão ou a praia.
Móveis para o interior e o exterior

Luz: iluminação quente e colorida

Não devemos nos esquecer de que a iluminação é essencial quando a noite chega. Não se deve utilizar lâmpadas brancas (halógenas); pois elas gerariam uma luz muito forte e não devemos exagerar na iluminação.

É possível utilizar lanternas ou guirlandas com luzes coloridas; assim, uma atmosfera muito mais festiva, descontraída, calma e pacífica será alcançada, o que é muito apropriado para as noites de verão.