Decoração sustentável, por um planeta melhor

26 de janeiro de 2020
Você sabe o que queremos dizer quando falamos de decoração sustentável? Daremos algumas dicas para tornar a sua casa e o nosso planeta um lugar melhor.

Atualmente, mais do que nunca, a consciência ambiental de deixar a menor marca possível com a nossa passagem pela Terra se tornou algo evidente. Por isso, mostraremos como obter uma decoração sustentável para que você contribua para termos um mundo melhor.

Há vários anos, a preocupação em cuidar do planeta está provocando muitas mudanças, o que pode ser visto com a quantidade de processos industriais ou de consumo que foram modificados.

Em termos de alimentos, a busca por produtos naturais e sem produtos químicos está crescendo cada vez mais. Para nos vestirmos, observamos os materiais com os quais as nossas roupas foram feitas e a maneira como elas foram elaboradas.

Da mesma forma, a decoração sustentável ganhou espaço no mercado, oferecendo móveis e objetos de decoração feitos de materiais não tóxicos e que são obtidos por meio de processos éticos e com um compromisso ambiental.

As chaves para uma casa ecológica

Quando falamos de decoração sustentável nos referimos, por um lado, ao uso de elementos reciclados e naturais para decorar a nossa casa e, por outro, o uso de materiais ecológicos, como tintas ou lâmpadas que economizam energia, madeira com o selo FSC, etc.

Reciclagem em uma decoração sustentável

Decoração sustentável

Dar uma segunda chance aos objetos é uma arte da qual falamos em vários artigos, como neste, onde falamos sobre como fazer um cabideiro. Com essa iniciativa, você gera menos lixo, continua usando as coisas que já possui e, portanto, não investe em algo novo, mas usa a sua imaginação e dá à sua casa uma marca pessoal.

A magia do DIY

Decoração sustentável

De mãos dadas com a arte da reciclagem está uma das tendências que vieram para ficar. Com o DIY, a sua casa será transformada em um local único e personalizado, com objetos criados por você mesmo. As possibilidades são infinitas e variam desde uma colcha de crochê até uma luminária de macramê ou potes de vidro pintados para colocar os cereais na cozinha.

Tinta ecológica

Decoração sustentável

Atualmente, a qualidade e a quantidade de cores de tintas orgânicas encontradas no mercado é muito grande, quase tantas quanto as de tinta comum. Elas são feitas com materiais naturais e biodegradáveis, que não são tóxicos para as pessoas, ao contrário das tintas sintéticas feitas com produtos químicos.

Madeira para uma decoração sustentável

Decoração sustentável

Prateleira / theartinlife.blog

Um dos materiais mais sustentáveis ​​é a madeira, especialmente se você se encarregar, como já dissemos, de se certificar da sua origem. Uma das maneiras de criar uma decoração sustentável é utilizar a madeira flutuante, com a qual você poderá criar muitos elementos para a sua casa.

A iluminação

Decoração sustentável

A iluminação é um ponto extremamente importante para qualquer decoração. Se você optar por lâmpadas de baixo consumo, economizará e, ao mesmo tempo, estará contribuindo para um uso mais responsável e sustentável da energia. 

Decoração sustentável com plantas

Materiais reciclados

Uma decoração sustentável não pode acontecer sem que haja muitas plantas. Elas dão vida a qualquer ambiente, limpam as toxinas e, em alguns casos, são capazes de eliminar os esporos de mofo.

No Feng Shui, as plantas são um dos elementos mais valiosos para trabalhar as energias de um espaço e, sem dúvida, um gesto mais do que óbvio em direção ao meio ambiente.  

Diga sim às fibras naturais

Fibras naturais

Os tecidos de fibras naturais, assim como os objetos decorativos feitos com elas, estão mais na moda do que nunca. Desde o algodão, a lã ou o linho, até o sisal, a ráfia, o vime ou o bambu.

Todos são capazes de tornar realidade uma decoração sustentável e que faz bem para a nossa saúde. São materiais que respiram melhor, são duráveis ​​e cuja produção prejudica muito menos o meio ambiente.

É responsabilidade de todos cuidar do meio ambiente através de um consumo responsável, que seja refletido na nossa maneira de nos alimentarmos, vestirmos e vivermos.